Saúde gengival: Causas e mecanismos

Dentista com paciente

Reconhecer as causas da doença periodontal e da gengivite1,2

Analise com atenção as causas e mecanismos por trás desta condição, com foco especial na razão pela qual a má higiene oral constitui uma das principais causas da doença periodontal.1,2

A doença periodontal é causada pela placa bacteriana1–4

  • A doença periodontal é causada por bactérias na linha da gengiva que formam a placa bacteriana, a partir da película dentária1,3
  • As endotoxinas e os detritos bacterianos liberados a partir da placa bacteriana causam inflamação da gengiva circundante, conhecida como gengivite1,2,4
  • Se a placa bacteriana não for removida, ao longo do tempo a resposta inflamatória pode levar a periodontite crônica, com destruição progressiva dos tecidos1,2

Evolução da gengivite e doença periodontal

A gengivite é uma condição reversível que se desenvolve em gengivas saudáveis, quando a placa bacteriana induz sua inflamação. Se não for tratada, a inflamação crônica gengival pode evoluir para periodontite crônica, causando a destruição irreversível do tecido periodontal. Embora nem todos os casos de gengivite se tornem progressivos, quase metade dos adultos é suscetível.2

Gengivas saudáveis

Gengivas saudáveis

Gengivas saudáveis, sem nenhum sinal de doença periodontal. As características incluem:

  • Gengiva firme com pigmentação rosa claro
  • Textura pontilhada
  • Firmemente ligada ao dente
  • Margem afilada
  • Não suscetível a sangramento durante a escovação ou sondagem
Gengivas com gengivite

Gengivite

Inflamação reversível da gengiva induzida pela placa bacteriana.2

As características incluem:

  • Alteração da pigmentação da gengiva
  • Inchaço gengival marginal e alteração da forma das papilas gengivais
  • Sangramento ao usar sonda e durante a escovação
  • Sulco gengival não excede os 3 mm no teste com sonda
  • Ligação da gengiva ao dente permanece inalterada
Gengivas com periodontite crônica

Periodontite crônica

Destruição irreversível do tecido periodontal devido à inflamação crônica da gengiva.2 As características incluem:

  • Gengiva com aparência inflamada
  • Sangramento ao usar sonda e durante a escovação
  • Destruição do epitélio juncional e perda de ligação da gengiva (bolsa periodontal verdadeira e recessão gengival)
  • Perda de osso alveolar
  • Mobilidade e deslizamento dentário

Outras condições periodontais

  • Crescimento gengival (hiperplasia)2

    Dilatação gengival

    Aumento da gengiva induzido por irritação, placa bacteriana, tártaro, fricção ou trauma, ou devido a um aumento no número de medicamentos ingeridos.

  • Abcesso periodontal2

    Abcesso periodontal

    Infecção aguda comum da bolsa periodontal. Os abcessos podem ser agudos ou crônicos e assintomáticos se forem drenados livremente

  • Gengivite ulcerativa necrosante e periodontite ulcerativa necrosante2

    Gengivite ulcerativa necrosante e periodontite ulcerativa necrosante

    Gengivite ulcerativa necrosante

    Úlcera dolorosa na papila interdentária com aparecimento de tecido necrótico acinzentado na superfície, podendo causar perda das papilas.

    Comum entre fumantes e pacientes com má higiene oral; o estresse também pode ser um fator de predisposição.

    Periodontite ulcerativa necrosante

    Diagnosticada nos casos em que existe recessão gengival associada a gengivite ulcerativa necrosante.

  • Periodontite agressiva2

    Periodontite agressiva

    Perda mais rápida da ligação gengival do que nos casos de periodontite crônica. Ocorre em 1 de cada 1000 pacientes com menos de 35 anos sem comorbilidades, mas muitas vezes com histórico familiar.

  • Periodontite associada a lesões endodônticas2

    Periodontite associada a lesões endodônticas

    Estas lesões podem ser independentes ou associadas e podem ter origem a partir da gengiva ou do ápex.

Sistema atual de classificação da doença periodontal

Desenvolvido em 1999 no Workshop Internacional para a Classificação da Condição Periodontal, o sistema de classificação para a doença periodontal é baseado em 8 categorias.2

Principais categorias da doença periodontal na classificação atual
1 Doença gengival
2 Periodontite crônica
3 Periodontite agressiva
4 Periodontite como manifestação de doença sistêmica
5 Doença periodontal necrosante
6 Abcesso periodontal
7 Periodontite associada a lesões endodônticas
8 Deformações e condições desenvolvidas ou adquiridas

Tabela adaptada a partir da Sociedade Britânica de Periodontologia, 20162

Os fatores de risco da doença periodontal podem ser divididos em duas categorias2

Bactéria no dente

Fatores de risco modificáveis

Locais

  • Placa bacteriana e cálculo2,5
  • Uso de prótese dentária parcial2
  • Dentição deficiente, incluindo espaços abertos e restaurações salientes com contornos anormais2,5
  • Fatores anatômicos, incluindo mal posicionamento dentário, lesões de furca, sulcos, concavidades, exposição da raiz e pérolas do esmalte2,5

Sistêmicos

  • Má higiene oral2
  • Fumo e tabaco2
  • Estresse2
  • Má nutrição2
  • Diabetes mellitus (pouco controlada)2
  • Medicamentos que causem xerostomia2

Identificar os factores de risco que podem ser modificados, como a má higiene oral, pode melhorar o controle da saúde gengival e os resultados do tratamento

Histórico familiar

Fatores de risco não modificáveis

  • Histórico familiar e fatores genéticos2,5
  • Variações hormonais, por exemplo, durante a puberdade, gravidez e menopausa6
  • Imunodeficiência subjacente2,5

Leia mais sobre os fatores de risco para a doença periodontal no Guia de Boas Práticas de Periodontologia da Sociedade Britânica de Periodontologia.

Paciente na recepção

Barreiras dos pacientes na manutenção da saúde gengival

Áreas de difícil alcance

  • Qualquer irregularidade que dificulte a higiene oral pode dar origem ao acúmulo de placa bacteriana,5,7 incluindo:
    • Mal posicionamento dentário5
    • Arestas ou preenchimentos salientes5
    • Margens pouco contornadas5
    • Alguns tipos de próteses dentárias5
  • Cálculo (tártaro) pode causar retenção de placa bacteriana5

Os pacientes ignoram os sintomas e o aconselhamento dos profissionais de saúde

Os sintomas precoces de doença gengival podem ser ignorados por várias razões:

  • Falta de consciência sobre a importância da saúde gengival (crença de que o sangramento das gengivas é algo “normal”)
  • Crença de que os dentes são mais importantes do que as gengivas
  • Maior foco nos problemas cosméticos da atualidade do que nos possíveis problemas futuros causados pela doença peridontal
  • Expectativa de que o dentista consiga solucionar os problemas gengivais, ao invés de ter uma atitude pró-ativa no cuidado com a saúde gengival

Ajude seus pacientes a pararem a evolução da doença gengival

Ícone família

Impacto na qualidade de vida do paciente

Descubra o impacto da doença periodontal na vida diária dos pacientes.

Saiba mais

Ícone dente com lupa

Diagnóstico

Conheça a visão geral do diagnóstico da doença periodontal.

Saiba mais

Ícone dentista

Controle

Saiba mais sobre o controle da doença periodontal.

Saiba mais

Ícone dente com gengiva

Saúde gengival

Saiba mais sobre doença periodontal.

Saiba mais

Logo Parodontax

Produtos Parodontax

Saiba como os produtos Parodontax podem ajudar seus pacientes.

Saiba mais

Ícone materiais de apoio

Materiais de Apoio

Faça o download de materiais de apoio para seus pacientes.

Saiba mais