Doença Gengival: Causas e mecanismos

Profissional de saúde com o paciente.

Reconhecer as causas da doença periodontal e gengivite1,2

Analise com detalhe as causas e mecanismos por trás desta condição, com especial foco na razão pela qual a má higiene oral constitui uma das principais causas de doença periodontal.1,2 

A doença periodontal é causada pela placa bacteriana 1-4

  • A doença periodontal é causada por bactérias na linha da gengiva que formam a placa bacteriana, a partir da película dentária1,3
  • As endotoxinas e os produtos bacterianos libertados a partir da placa bacteriana causam inflamação da gengiva circundante, definida como gengivite 1,2,4
  • Se a placa bacteriana não for removida, ao longo do tempo a  resposta inflamatória pode levar a periodontite crónica, com destruição progressiva dos tecidos1,2

Evolução da gengivite e doença periodontal

A gengivite é uma condição reversível que se desenvolve em gengivas saudáveis, quando a placa bacteriana induz a sua inflamação. Se não for tratada, a inflamação crónica gengival pode evoluir para periodontite crónica, causando a destruição irreversível do tecido periodontal. Embora nem todos os casos de gengivite se tornem progressivos, quase metade dos adultos é suscetível.2

Gengivas saudáveis

Gengivas saudáveis

Gengivas saudáveis sem nenhum dos sinais de doença periodontal. As características incluem:

  • Gengiva firme com pigmentação rosa pálido
  • Aspeto “pontilhado”
  • Firmemente ligada ao dente
  • Margem afilada
  • Não suscetível a sangramento durante a escovagem ou durante a utilização de sonda
Gengivas com gengivite

Gengivite

Inflamação reversível da gengiva induzida pela placa bacteriana.2

As características incluem:

  • Alteração da pigmentação da gengiva
  • Inchaço gengival marginal e alteração da forma das papilas gengivais
  • Sangramento ao utilizar sonda e durante a escovagem
  • Sulco gengival não excede os 3 mm no teste com sonda
  • Ligação da gengiva ao dente permanece inalterada
Gengivas com periodontite

Periodontite crónica

Destruição irreversível do tecido periodontal devido à inflamação crónica da gengiva.2

As características incluem:

  • Gengiva com aparência inflamada
  • Sangramento ao utilizar sonda e durante a escovagem
  • Destruição do epitélio juncional e perda de ligação da gengiva (bolsa periodontal verdadeira e recessão gengival)
  • Perda de osso alveolar
  • Mobilidade e deslizamento dentário

Outras condições periodontais

  • Crescimento gengival (hiperplasia)2

    Dilatação gengival

    Aumento da gengiva induzido por irritação, placa bacteriana, tártaro, fricção ou trauma, ou devido a um aumento crescente da medicação.

  • Abcesso periodontal2

    Abcesso periodontal

    Infeção aguda comum da bolsa periodontal. Os abcessos podem ser agudos ou crónicos e assintomáticos se forem drenados livremente.

  • Gengivite ulcerativa necrosante e periodontite ulcerativa necrosante2

    Gengivite ulcerosa necrosante e periodontite ulcerosa necrosante

    Gengivite ulcerativa necrosante

    Úlcera dolorosa na papila interdentária com aparecimento à superfície de tecido necrótico cinzento, podendo causar perda das papilas.

    Comum entre fumadores e pacientes com uma má higiene oral; o stress também pode ser um fator predisponente.

    Periodontite ulcerativa necrosante

    Diagnosticada nos casos em que existe recessão gengival associada a gengivite ulcerativa necrosante.

  • Periodontite agressiva2

    Periodontite agressiva

    Perda mais rápida da ligação gengival do que nos casos de periodontite crónica. Ocorre em 1 de cada 1000 pacientes com menos de 35 anos sem comorbilidades, mas muitas vezes com evidência de histórico familiar.

  • Periodontite associada a lesões endodônticas2

    Periodontite associada a lesões endoticas

    Estas lesões podem ser independentes ou coalescentes e podem ser originadas a partir da gengiva ou do apéx.

Sistema de classificação atual para a doença periodontal

Desenvolvido em 1999 no Workshop Internacional para a Classificação da Condição Periodontal, o atual sistema de classificação para a doença periodontal é baseado em 8 categorias.2

Principais categorias da doença na classificação periodontal atual
1 Doença gengival
2 Periodontite crónica
3 Periodontite agressiva
4 Periodontite como manifestação de doença sistémica
5 Doença periodontal necrosante
6 Abcesso periodontal
7 Periodontite associada a lesões endodônticas
8 Deformações e condições desenvolvidas ou adquiridas

Tabela adaptada a partir da Sociedade Britânica de Periodontologia, 20162

Os fatores de risco da doença periodontal podem ser divididos em duas categorias2

Bactérias no dente

Fatores de risco modificáveis

Locais

  • Placa bacteriana e tártaro2,5
  • Prótese dentária parcial2
  • Dentição deficiente, incluindo espaços abertos e restaurações salientes com contornos anormais2,5
  • Fatores anatómicos, incluindo mau posicionamento dentário, lesões de furca, sulcos, concavidades, exposição da raíz e pérolas do esmalte2,5

Sistémicos

  • Má higiene oral2
  • Fumar2
  • Stress2
  • Má nutrição2
  • Diabetes mellitus (pouco controlada)2
  • Medicamentos que causem xerostomia2

Identificar os fatores de risco modificáveis, como a má higiene oral, pode melhorar o controlo da saúde gengival e os resultados do tratamento. 

História familiar

Fatores de risco não modificáveis

  • Histórico familiar e fatores genéticos2,5
  • Variações hormonais, por exemplo, durante a puberdade, gravidez e menopausa6
  • Imunodeficiência subjacente2,5

Leia mais sobre os fatores de risco para a doença periodontal no Guia de Boas Práticas de Periodontologia da Sociedade Britânica de Periodontologia.

Paciente na recepção

Dificuldades dos pacientes na preservação da saúde gengival

Áreas de difícil alcance

  • Qualquer irregularidade que dificulte a higiene oral pode estar na originem da acumulação de placa bacteriana,5,7 incluindo:
    • Mau posicionamento dentário5
    • Arestas ou preenchimentos salientes5
    • Margens pouco contornadas5
    • Alguns tipos de próteses dentárias5
  • O tártaro pode causar retenção de placa bacteriana5

Os pacientes ignoram os sintomas e o aconselhamento dos profissionais de saúde

Os sintomas precoces de doença gengival podem ser ignorados por várias razões:

  • Falta de consciência sobre a importância da saúde gengival (crença de que o sangramento das gengivas é algo “normal”)
  • Crença de que os dentes são mais importantes do que as gengivas
  • Maior foco nos problemas cosméticos da atualidade do que nos possíveis problemas futuros causados pela doença peridontal
  • Expectativa de que o dentista consiga solucionar os problemas gengivais, em vez de ter uma atitude pro-ativa na saúde gengival

Ajude os seus pacientes a parar a evolução da doença gengival

Ícone família

Impacto na qualidade de vida do paciente

Descubra o impacto da doença periodontal na vida diária dos pacientes.

Saiba mais

Ícone dente com lupa

Diagnóstico

Explore a visão geral do diagnóstico da doença periodontal.

Saiba mais

Ícone dentista

Controlo 

Explore a visão geral do controlo da doença periodontal.

Saiba mais

Ícone dente com gengiva

Saúde gengival

Saiba mais sobre doença periodontal.

Saiba mais

Logo Parodontax

Gama Parodontax

Saiba como a gama parodontax pode ajudar os seus pacientes.

Saiba mais

Ícone materiais de apoio

Materiais de Apoio

Faça o download de materiais de apoio para os seus pacientes.

Saiba mais